Um bom controle de estoque faz com que seu restaurante tenha os produtos certos, na quantidade ideal e no momento apropriado. Sem um gerenciamento eficaz, você pode acabar com excesso de produtos parados e ter prejuízo ou então perder vendas por ficar com falta de produtos.

Para fazer um controle básico, é adequado ter, no mínimo, uma planilha que registre todos os produtos armazenados, seu custo unitário, custo total e quantidade de produtos vendidos e também dos produtos que ficaram estocados. Além disso, é preciso verificar sempre se o cálculo da planilha representa realmente o que está no estoque físico.

Com essa ideia inicial em mente, confira agora algumas dicas de como melhorar o controle do seu estoque e dar mais um passo para tornar seu restaurante um lugar incrível. Vamos juntos!

Quer ir direto para uma dica específica? Estes são os tópicos que vamos abordar no artigo:

Estabeleça uma rotina de boas práticas
Tenha um estoque reduzido
Trabalhe com bons fornecedores
Faça queimas de estoque nos momentos certos
Nunca deixe para depois
Entenda sua própria sazonalidade
Use um sistema de gestão
Precisa melhorar o estoque do seu restaurante?

Estabeleça uma rotina de boas práticas

Criar uma rotina de boas práticas operacionais é interessante tanto para ter um processo padronizado quanto para garantir que o controle de estoque seja feito com eficiência. Nesse sentido, você pode adotar as seguintes rotinas:

  • Fazer o inventário completo do seu estoque;
  • Cadastrar todos os produtos sempre;
  • Categorizar corretamente os produtos;
  • Controlar cuidadosamente as entradas e saídas de produtos;
  • Integração entre os setores do restaurante;
  • Utilizar e acompanhar sua ferramenta de controle de estoque, seja uma planilha simples ou um sistema de gerenciamento.

Tenha um estoque reduzido

Trabalhar com estoque reduzido facilita tanto o armazenamento quanto a organização e o controle dos itens. Essa é uma boa prática de gestão e tendência atual, pois simplifica o gerenciamento, torna o espaço físico necessário menor e reduz custos com desperdícios.

A ideia é manter um estoque reduzido, porém dando atenção à sazonalidade, como datas comemorativas e épocas promocionais, que exigirão compras maiores.

Essa dica se relaciona diretamente com a próxima: um estoque reduzido não pode significar falta de produtos. Para isso, é importante manter um bom relacionamento com fornecedores de confiança, para que você consiga ter os produtos que precisa com agilidade.

Trabalhe com bons fornecedores

De nada adianta fazer um excelente gerenciamento do seu estoque se você não consegue os produtos que precisa no prazo necessário. Por isso, todo gestor de food service precisa construir relacionamentos de confiança com bons fornecedores.

Faça parcerias com empresas ágeis, flexíveis e, principalmente, confiáveis. E atenção, na hora de avaliar qual o melhor fornecedor, a agilidade e confiabilidade na entrega são tão ou mais importantes que o preço ou os descontos.

Faça queimas de estoque nos momentos certos

Promoções de queima de estoque são úteis quando o restaurante precisa equilibrar as contas ou dar saída a produtos com pouca procura.

Essa estratégia é importante, pois nos restaurantes os produtos têm data de validade e se ficarem encalhados no estoque, além de ocupar espaço, darão prejuízo.  Assim, faça liquidações quando precisar liberar armazenamento e estocar produtos mais lucrativos.

Nunca deixe para depois

Quando falamos de controle de estoque, a rigidez é importante. Esquecer de registrar algum item ou deixar para mais tarde são atitudes que podem pôr tudo a perder e causar prejuízos ao restaurante.

Entenda sua própria sazonalidade

É importante analisar e entender também os padrões de movimentações específicos do seu negócio. Quais produtos saem mais em que época? Quais saem menos e em que época?

Pode acontecer de um produto ter muita procura em um mês e baixa logo no mês seguinte, por exemplo. Conhecendo esses padrões, você consegue planejar compras mais assertivas e manter o volume do estoque em níveis mais adequados.

Use um sistema de gestão

Conforme falamos, controlar o estoque precisa ser um processo rígido para não haver falhas. Além disso, a atividade demanda bastante tempo, o que dificilmente o gestor terá. Isso leva a um ciclo em que  pode haver muitos erros humanos.

Nesse sentido, é eficiente contar com um sistema de gerenciamento que permita automatizar processos. Quanto mais processos repetitivos e que demandam muito tempo do gestor ou dos funcionários puderem ser automatizados, menores são as chances de haver erros ou desperdício de produtos.

Com um sistema de gestão, se você comanda seu restaurante sozinho ou com uma equipe enxuta, terá tempo para se dedicar a outras tarefas importantes. E para restaurantes maiores, o sistema garantirá a diminuição de erros e a equipe do estoque poderá ser liberada para tarefas mais estratégicas.

Portanto,  podemos afirmar que a maneira mais eficaz de otimizar o tempo, reduzir erros e desperdícios e reduzir custos, é investir em um bom sistema de gestão integrado.

Precisa melhorar o estoque do seu restaurante?

Se você precisa ganhar tempo e reduzir custos, erros humanos e desperdícios, conheça o Dîner, o sistema de gestão da Inffel.  Moderno, ágil, elegante e fácil de usar, foi projetado para gerenciar todos os processos do seu food service, da compra dos insumos até a venda para o cliente.

No módulo básico, o Dîner tem em seu cardápio os módulos de caixa, estoque e delivery. Além disso, a Inffel oferece treinamento e tem suporte 24 horas de verdade, inclusive aos fins de semana, com atendimento feito por profissionais que entendem a rotina dos restaurantes.

Gostou? Entre em contato com a Inffel e agende uma demonstração gratuita. Conte sempre com a gente para tornar seu negócio um lugar incrível!